LPeU > artigo > O verbo e a frase

07-05-2013. Gloria Galli (trabalhos acadêmicos, revisões de textos, TCC e normas ABNT)

Enviar via e-mail

Categorias: verbos | frase |

Chat Dúvidas ou Sugestões

Faça chat com nossos colaboradores

Dúvida:
Eu não sei ainda como achar o verbo em uma frase.

Com exceção das frases em que expressam fenômenos da natureza (chover, trovejar etc), o verbo é o único elemento da frase que se adapta perfeitamente ao sujeito. A terminação verbal nos dá uma dica para achar o sujeito:
«João gastou todo o dinheiro dele comprando figurinhas.»

(1) João gastou ...
(2) João todo ...
(3) João o ....
(4) João dele ....
(5) João comprando....
(6) João figurinhas...

Qual dos termos acima pode dar um certo sentido?
- Em (1) e (5) há significado. No entanto, (2), (3), (4) e (6) as expressões não têm sentido. Em (1) e (5) tenho ideia do que acontece com o João. Portanto, os termos 'gastou' e 'comprando' são verbos. Pertencem aos verbos gastar e comprar.

As terminações dos verbos auxiliam muito a achar o sujeito da frase: gastou-> alguém gastou -> João gastou.

É muito importante sentir o que a palavra está querendo dizer naquele momento em que a frase é enunciada. Por isso, é que é recomendado levar em conta o contexto em que uma palavra está inserida, ou seja, o assunto. Pois uma palavra pode tomar mais de um sentido, dependendo da colocação em que é feita e da vontade do sujeito enunciador.

Há verbos que não precisam de mais nada junto a ele para que expresse sentido. Toma-se como exemplo, os verbos que exprimem fenômenos da natureza: trovejar, chover, anoitecer, amanhecer. No entanto, quando esses verbos estão empregados em sentido figurativo, aí sim, eles precisam de outros termos junto a eles. Exemplo: Amanheci irritada hoje. Neste caso, ele não se refere mais a fenômeno da natureza, e sim, a um estado de ânimo da pessoa que fala. Ele deixa de ser um verbo de processo e passa a ser um verbo de estado.

Ver também Tipos de frases e Pontuação e entonação