LPeU - língua portuguesa em uso Língua Portuguesa em Uso

Criado por Gedini
em 2013-05-21.

Exemplos com oxítonas e paroxítonas

Pergunta:
Como identificar as palavras oxítonas, paroxítonas e proparoxítonas? Também tenho dificuldade com os adjetivos.

Resposta:
Todas as palavras, na língua portuguesa, de duas sílabas ou mais, têm uma sílaba mais intensa, mais longa. Os alunos costumam dizer que ela é a mais 'forte', não é bem isso, mas ilustra bem.

Palavras oxítonas

São aquelas, nas quais a sílaba mais intensa, mais longa, é a última:

anel, arroz, boné, café, dedal, eficaz, filó, guru, manacá, animal, plantação, varal etc.

Palavras paroxítonas

São aquelas, nas quais a sílaba mais intensa, mais longa, é a penúltima:

revólver, túnel, lousa, mandioca, parede, caderno etc.

Palavras proparoxítonas

São aquelas, nas quais a sílaba mais intensa, mais longa, é a antepenúltima:

pântano, físico, cólica, Angélica, farmacêutico, médico etc.

Compreendendo os adjetivos: Você vai a uma papelaria comprar uma tesourinha de cortar papel. O vendedor lhe pergunta:
- Qual destas você quer? Você responde:
- A azul, por favor. Então, você usou um adjetivo para especificar o tipo de tesoura. A palavra azul é um adjetivo e tesoura é um substantivo.

Participar neste artigo Utilize este botão para adicionar seus comentários. Depois de adicionar seu comentário, você será direcionado para criar um login para validar seu comentário.

Este conteúdo foi originalmente criado por Gloria Galli, nome de usuário Gedini, em 2013-05-21 e está disponível com a licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 3.0 Brasil. Outros autores também podem colaborar com este artigo.

Você poderá referenciar este artigo com o uso do link abaixo e incluir nota com o nome do autor:

Salvar e enviar para meu e-mail
Votar (1 estrela)
Votar (2 estrelas)
Votar (3 estrelas)

Enviar Você será enviado para criar um 'login' com seu e-mail.