LPeU > artigo > Predicado e predicativo do sujeito

20-05-2013.

Enviar via e-mail

Categorias: predicativo do sujeito | predicado |

Pergunta do usuário:
O que é predicativo?

Predicado

Na frase, o verbo e todo o seu complemento constitui o predicado. Isso significa que, como predicador, ele pode precisar de termos para completar-lhe o sentido, ou seja, de argumentos: um argumento fora dele, diz-se argumento externo; e argumento(s) interno(s), isto é, junto a ele, que são os seus complementos. O sujeito não pertence ao predicado. O predicado compreende o verbo e todos os seus complementos, ou seja, todos os seus argumentos internos:

«O moço de terno azul compra suas roupas no Shopping Iguatemi.»
predicado: compra suas roupas no Shopping Iguatemi

Predicativo

Diz-se que há um predicativo quando há na frase alguns verbos especiais, e por isso, é possível que, na frase, outros termos também passem a predicar. Quando o sujeito torna-se também um predicador, e há na frase um termo subordinado a ele, diz-se que há um predicativo do sujeito:

«As meninas estão caladas.» (= meninas caladas é predicativo)
«O tempo continua nublado.» (= tempo nublado é predicativo)

A classe dos verbos que geram o predicativo do sujeito são os verbos denominados copulativos: ser, estar, permanecer, ficar, tornar-se etc. Isto significa que esses verbos estão ligando (copulando) sujeito e o termo pós verbo.

Mais exemplos:

«O que ele fez é nada.»
«Eram trinta e dois naquela 6ª série.»
«O trabalho tornou-se um suplício.»
«Somos o que fazemos.»