Língua Portuguesa em Uso > Vírgula e a conjunção aditiva e

Vírgula e a conjunção aditiva e

Gloria Galli


Categorias: vírgula | conjunção aditiva | pontuação | orações coordenadas |

Regra:
Emprega-se a vírgula para separar as Vírgula e orações coordenadas sindéticas:
« Lucia gasta muito, mas sempre compra o que é bom.

É importante observar:
Oração coordenada sindética iniciada pela conjunção aditiva e
Há casos, em que ocorre a vírgula:

«A menina vinha correndo, e a chuva vinha atrás dela.»
«Ela vai ao cinema, e eu não vou ficar aqui.»

Porém, com fatos sequenciados cronologicamente ou simultâneos, geralmente, não se usa vírgula:

«Os manifestantes gritavam e a polícia invadia o espaço.»
«As chamas invadiam a sala e os empregados saiam pelos fundos.»

«Ele chegou primeiro, muito cedo…, e cantou, e cantou.»
«Tendes pátrias, tendes tetos, e tendes regras, e tratados, e filósofos, e sábios."»
(fonte: Poemas de Deus e do Diabo.José Régio.1969,p.57.)

«Vinha com todas as malas, com o enxoval, com o noivo, e triste.»

Ver também: Coloco a vírgula antes ou depois do 'e'?

Comentários

revisados

Gedini
2013-08-05
Quiasmo

Participe

Faça login para receber nossa newsletter ou enviar dúvidas