Língua Portuguesa em Uso > Reconhecendo a função da linguagem

Reconhecendo a função da linguagem

Gloria Galli


Categorias: funções da linguagem |

Pergunta:
«— Foi assim que sempre se fez. A literatura é a literatura, Seu Paulo. A gente discute, briga, trata de negócios naturalmente, mas arranjar palavras com tinta é outra coisa. Se eu fosse escrever como falo, ninguém me lia.»
(Graciliano Ramos)
Quero saber qual função da linguagem há nesse texto.

Resposta:
Necessariamente, não há apenas uma função num texto, até mesmo num trecho pode haver várias funções. Quanto mais rico é o texto, mais achamos nele diversidade de funções da linguagem. Por ser um excerto, fica difícil dizer qual a função predominante: há a função metalinguística, pois o enunciador explica o que é a função da escrita; há a apelativa porque ele chama a atenção do co-enunciador para a sua explicação; há a emotiva porque o enunciador fala de si, do que ele sente. Portanto, deixo a questão aberta para maior discussão. Mas, se tivesse que escolher uma, eu escolheria a apelativa - vejo o enunciador muito entusiasmado em chamar a atenção do coenunciador (Seu Paulo).

Ver também Funções da linguagem

Comentários

revisados

Gedini
2013-08-05
Quiasmo

Participe

Faça login para receber nossa newsletter ou enviar dúvidas